Campus party

Há pouco mais de um mês, eu sequer sabia o que era a campus party.
Ainda não sei bem o que é, mas agora eu tenho um noção. E talvez eu esteja tendo um impressão errada.

Eu não acreditei qdo li que o evento contaria com uma banda de 5Gbps. Eu pensei: falou, passa sábado.
Mas é verdade, tem lá, 5Gbps. Apesar de vários blogs dizerem que mal dá pra navegar por causa do p2p.
Até acampamento tem, um monte de barraquinhas (eu odeio acampar e odeio dormir em barraca) pra galera mais vidrada dormir. Imagine o odor dessa campus party. Aquelas nerds, gordos, branquelos e espinhentos sem tomar banho desde segunda-feira (a galera lá do sul não é nem um pouco chegada em banho)…

Pois bem, a impressão errada que eu, por ventura, estou tendo é por causa da cobertura da mídia nada especializada em tecnologia. O que esse pessoal tem na cabeça de mandar o mesmo cara que faz cobertura de operações da PF pra cobrir a campus party? Com isso, sobram clichês. “A maior reunião de nerds do mundo”, “nerds grudados na telinha do computador”, “nerdstock” e outras coisas que eu não me recordo agora.

Mas mesmo assim, a impressão que eu tenho é que a campus party não é nada demais. É um monte de gente jogando cs, atualizando os seus twitteres, e cheio de bla bla bla: “a web 2.0 é uma rede colaborativa de pessoas criando laços interpessoais e sem fronteiras”

Se eu iria? Se eu estivesse por lá e tivesse um dinheiro sobrando, seria um caso a se pensar.

Anúncios

Sobre Arlen Nascimento
26 anos, Manaus.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: